Grande Curitiba

Vereadores sugerem mudanças no transporte coletivo de Curitiba

Mobilidade é tema de 4 das 6 indicações acatadas nesta terça-feira.
21 de junho de 2022 às 15:48
(Foto: Rodrigo Fonseca/CMC)

O transporte coletivo dominou, nesta terça-feira (21), as discussões da segunda parte da ordem do dia. O tema pautou quatro das seis indicações ao Executivo aprovadas pela Câmara Municipal de Curitiba (CMC), nesta manhã. “O Terminal Tatuquara é maravilhoso, mas hoje só está servindo como um grande ponto de ônibus, para [linhas de] ônibus que já existiam”, apontou Mestre Pop (PSD), que voltou a sugerir melhorias para a região sul da cidade.

Pop, que na sessão desta segunda (20) já havia defendido outras demandas na área da mobilidade, desta vez pediu estudos à Urbs para que uma linha de ônibus direta faça o trajeto entre o Terminal Tatuquara e o Centro de Curitiba (205.00207.2022). Outras duas indicações sugerem que o Terminal Tatuquara tenha interligações diretas com os municípios de Araucária e de Fazenda Rio Grande (205.00204.2022 e 205.00205.2022, respectivamente).

O vereador lembrou que inúmeros moradores das cidades vizinhas trabalham em Curitiba, em bairros das regionais Tatuquara e CIC, e que seriam beneficiados com o trajeto. Outra vantagem, disse Mestre Pop, é que as linhas diretas ajudariam a desafogar o Terminal Pinheirinho.

De João da 5 Irmãos(União), o plenário concordou com indicação ao Executivo que também trata do transporte coletivo, mas de uma demanda do bairro Cajuru (205.00203.2022). O pedido, a partir de sugestão da própria comunidade, é para que o alimentador da linha Camargo retome o antigo itinerário.

Esporte e lazer

As proposições de Marcos Vieira (PDT) e de Leonidas Dias (Solidariedade) saíram da temática do transporte e têm o esporte e o lazer como justificativa. O primeiro vereador sugere ao Executivo a criação de programa para o reconhecimento e o incentivo de jovens talentos esportivos, em diferentes modalidades (205.00206.2022).

Do outro parlamentar, o pedido é para a ampliação do estacionamento do parque Passaúna. O local, diz a proposição assinada por Dias, é “um importante espaço público de lazer e prática esportiva, localizado na região oeste da cidade” (205.00208.2022).

Votadas em turno único e de maneira simbólica (sem o registro no painel eletrônico), as indicações são uma manifestação legal dos vereadores, referendadas em plenário, mas não são impositivas. Cabe ao Executivo avaliar e acatar, ou não, as propostas. As sessões começam às 9 horas e têm transmissão ao vivo pelos canais da Câmara de Curitiba no YouTube, no Facebook e no Twitter.

Fonte: Câmara Municipal de Curitiba