Grande Curitiba

Dia da árvore tem mudas gratuitas e plantios pela cidade

21 de setembro de 2022 às 15:53
(Foto: Daniel Castellano / SMCS)

COM ASSESSORIAS – Além da distribuição simultânea de 10 mil mudas de árvores nativas, o Dia da Árvore, comemorado nesta quarta-feira (21/9), vai ser marcado por alguns plantios comunitários na cidade. As ações acontecem nas regionais Boqueirão e Tatuquara e também nos arredores de empresas privadas, com o apoio do Horto Municipal da Barreirinha.

Ao todo, serão mais de 600 mudas plantadas apenas nesta data. Com estes plantios, a cidade chega às 260 mil mudas pelo Desafio 100 Mil Árvores, que completou três anos de lançamento nesta terça-feira (20/9).

“Quando lançamos o desafio, a pedido do prefeito Rafael Greca, em 2019, não imaginávamos que teríamos tamanho engajamento da população”, recorda a secretária do Meio Ambiente, Marilza do Carmo Oliveira Dias. “Mas tivemos a participação de toda a sociedade, conseguimos atingir a meta mesmo com o início da pandemia”, completa.

Graças ao sucesso, lembra Marilza, a cidade segue com a meta de plantio de 100 mil árvores por ano. Em vias públicas, Curitiba conta com mais de 330 mil árvores, além das que estão nos parques, bosques, praças e outras áreas verdes.

Vias urbanas

Para contrastar com os passos apressados e com o trânsito, a Secretaria do Meio Ambiente vem promovendo plantios em corredores de ônibus. O mais recente em andamento é o de cerejeiras-do-japão, na Avenida Sete de Setembro, que teve início em junho deste ano, com previsão de 500 mudas. Ainda estão sendo plantados os 1,5 mil ipês das três cores nas avenidas João Gualberto e Paraná.

Os corredores de ônibus com árvores já são bem conhecidos na Rua Padre Anchieta e na Rua Deputado Heitor Alencar Furtado, no Mossunguê, com as fotogênicas folhas que ganham o colorido avermelhado no outono.

Plantios comunitários

O programa Amigo dos Rios é um dos grandes responsáveis pela promoção de plantios comunitários. Suas ações visam a recuperação dos rios urbanos, em especial, o Rio Belém, e resultam em, pelo menos, 3 mil novas mudas ao ano.

Instituições de ensino, condomínios, organizações da sociedade civil e empresas também fazem a sua parte. Neste 21 de setembro, o Grupo Veper, de segurança, faz o plantio de 350 árvores na região do bairro Fanny, Regional Pinheirinho; e a Rimatur, empresa de fretamento de ônibus, planta 72 ipês amarelos no Mossunguê, como parte dos seus planos de compensar a emissão dos seus mais de 500 veículos com mais de 500 mudas.

Curitiba mais verde

O desafio 100 Mil Árvores para Curitiba foi lançado pelo prefeito Rafael Greca, originalmente, na primavera de 2019 e deveria ser concluído na primavera de 2020. Mesmo com a pandemia, que acabou por inviabilizar os plantios comunitários, foram plantadas 108 mil mudas no período proposto.

Graças a esse sucesso, que contou com a participação de empresas, Exército e escolas, o município vem renovando o desafio e toda a população pode participar para garantir a meta até o final do ano.

Plantios feitos em via pública ou em áreas privadas entrarão na conta das 100 Mil Árvores. Os interessados podem retirar mudas produzidas pelo Horto Municipal da Barreirinha, nas administrações regionais da cidade, que recebem mudas mensalmente, apenas mediante cadastro, com calendário e divulgação prévia.

Plantios dentro de áreas privadas podem ser feitos sem restrições. Quem quiser plantar em área pública, precisa pedir autorização da Secretaria Municipal do Meio Ambiente, para que haja escolha da espécie mais adequada para o local.