Grande Curitiba

Curitiba é escolhida como modelo de sustentabilidade no Brasil por TV chinesa

3 de agosto de 2022 às 11:18
(Foto: Ricardo Marajó/SMCS)

COM ASSESSORIAS – Uma equipe da CGTN TV (China Global Television Network) está em Curitiba, até sexta-feira (5/8), para produzir uma série de reportagens sobre desenvolvimento sustentável. Foram escolhidas cidades modelo na área ao redor de todo o mundo, e Curitiba é o município que representará o Brasil.

A equipe vai gravar cinco reportagens na cidade, apresentando iniciativas adotadas pela Prefeitura para garantir o desenvolvimento sustentável. Serão abordados nas gravações as obras da Prefeitura para contenção de enchentes; os Jardins de Mel e hortas comunitárias; a Escola de Sustentabilidade de Curitiba; o Câmbio Verde; e um perfil histórico da cidade.

“Curitiba foi escolhida porque tem muitas iniciativas na área de ecologia e sustentabilidade. Algumas dessas iniciativas são, inclusive, originais, e queremos mostrar isso em nossas reportagens”, conta o produtor e integrante da equipe da CGTN em São Paulo, Thiago Gabriel.

Contenção de enchentes

No primeiro dia em Curitiba, os jornalistas da CGTN visitaram a construção de uma bacia de detenção na sub-bacia do Ribeirão dos Müller, na CIC. A obra busca prevenir enchentes e alagamentos em períodos chuvosos, além de recuperar a mata ciliar para proteger as famílias ribeirinhas da região.

A TV chinesa ouviu moradores do bairro que estão sendo beneficiados pela obra, além do secretário municipal de Obras Públicas, Rodrigo Araújo Rodrigues.

Em entrevista para a CGTN, Rodrigues explicou que foram concluídas mais de 23 obras de prevenção de alagamentos desde 2017, na gestão do prefeito Rafael Greca.

“Nesse mesmo período, foram executados quase 35 mil metros de galerias de águas pluviais e 280 mil metros de limpeza e desassoreamento de rios, córregos e canais. Isso para resistir ao período de chuvas e proteger a população”, contou Rodrigues.

Além da intervenção no Ribeirão dos Müller, a Prefeitura tem outras quatro grandes obras de macrodrenagem e construção de diques de contenção com o programa Curitiba Contra Cheias.

Educação ambiental

“Uma coisa que chama a atenção é que Curitiba tem uma preocupação muito grande com a educação ambiental”, comentou o produtor da CGTN.

Paralelo às obras para contenção de enchentes, a Prefeitura também investe em programas de educação ambiental para evitar o descarte de lixo nos rios e nas vias públicas, o que também previne os alagamentos.

São iniciativas como a Família Folhas, que ensina sobre destinar corretamente os resíduos; o Desafio 100 Mil Árvores, que já trouxe mais de 230 mil novas árvores plantadas pelos curitibanos; e os dez Ecopontos, locais para destinação de materiais inservíveis como poda de árvores, eletroeletrônicos e restos de materiais de construção.

Além disso, também existem outras iniciativas de educação como a Escola de Sustentabilidade, os Jardins de Mel e a Fazenda Urbana, que serão abordados pelas reportagens da TV chinesa.