Grande Curitiba

Em novembro, Palácio Rio Branco entrou no clima da Copa

O prédio histórico, sede da CMC, também chamou a atenção para ações na área da saúde.
1 de dezembro de 2022 às 17:20
(Foto: Rodrigo Fonseca/CMC)

Sede da Câmara Municipal de Curitiba (CMC), o Palácio Rio Branco fechou novembro “vestindo a camisa” da Seleção Brasileira, em busca do inédito hexacampeonato na Copa FIFA 2022. A iluminação, nas cores verde, amarelo, azul e branco, faz referência às cores da bandeira nacional.

A iluminação especial começou na noite de 20 de novembro, mesmo dia da abertura da competição internacional, no Catar. A programação será mantida até 8 de dezembro. Então, para quem não conferiu, ainda dá tempo de registrar o prédio histórico “vestido” para a Copa do Mundo.

Novembro Azul

Quem passou à noite pela CMC, no mês passado, também pôde registrar o Palácio Rio Branco iluminado em outras cores, em apoio a campanhas na área da saúde. Entre os dias 1º e 13 de novembro, a iluminação temática reforçou o apoio ao Novembro Azul – movimento internacional de conscientização sobre o câncer de próstata.

Além disso, a Câmara teve ações voltadas para o público interno e a população em geral. No dia 10 de novembro, o ônibus do Hospital Erasto Gaertner, com o projeto Conscientizar+, realizou atendimentos sobre a prevenção do câncer de próstata. A doença, segundo dados do Ministério da Saúde, causou a morte de 44 homens por dia, em 2021, superando 16 mil óbitos.

A Casa também promoveu um workshop sobre a saúde mental masculina, intitulado “Restaurando Minha Saúde”, no dia 22 de novembro. A ação foi uma iniciativa da Divisão de Saúde Ocupacional, direcionada aos servidores. Em outubro, foi a vez das servidoras participarem da atividade.

Dia da Prematuridade

A pedido da vereadora Flávia Francischini (União), a CMC também ficou iluminada em roxo entre 14 e 19 de novembro. O Dia Mundial da Prematuridade – 17 de novembro – tem como objetivo alertar sobre os partos prematuros, como preveni-los, e informar sobre as consequências do nascimento antecipado. Segundo o Ministério da Saúde, anualmente ocorrem cerca de 340 mil nascimentos prematuros no Brasil.

Iluminação temática

Construído entre 1891 e 1895 – obra confiada ao engenheiro Ernesto Guaita –, o Palácio Rio Branco abriga a CMC desde 1963. O prédio, inicialmente chamado de Palácio do Congresso, antes sediava a Assembleia Legislativa. Pelo valor histórico e cultural, foi tombado pelo patrimônio estadual em 1978 (saiba mais).

Desde 2019, a iluminação externa do Palácio Rio Branco pode ser alterada para simbolizar o apoio a datas comemorativas, campanhas de conscientização e outros temas de interesse público. Os destaques, do primeiro semestre deste ano, foram as iniciativas na área da saúde pública.

O pedido para alterar a cor da fachada do prédio histórico precisa ser feito por um vereador, diretamente à Diretoria de Comunicação Social, setor a quem compete organizar o calendário anual da iluminação cênica. A solicitação deve ser feita por meio do sistema de chamados.

No caso das entidades da sociedade civil, elas podem apresentar a causa aos gabinetes parlamentares, que podem abraçá-la e encaminhar a proposta à Diretoria de Comunicação. Se incluída no calendário anual, cada iluminação é agendada por no máximo uma semana.

Fonte: Câmara Municipal de Curitiba