Grande Curitiba

CIOSP traz resultados positivos no combate e enfrentamento da criminalidade e violência no município

Centro Integrado de Operações de Segurança Pública abre dados sobre decréscimo de roubos e furtos efetuados em Campo Largo. "Muralha Virtual" abrange todos os acessos de entrada e saída da cidade e responde com estrutura de alta tecnologia e inovação
3 de agosto de 2022 às 16:13
(Foto: Divulgação)

COM ASSESSORIAS – Em janeiro de 2021 foram registrados seis roubos e cinco furtos, sempre na presença de veículos. No mesmo período em 2022, os números caíram para um roubo e três furtos. Isso se deve à integração de dados com forças de segurança parceiras que atuam em conjunto ao sistema CIOSP: Guarda Municipal, Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, SESP/PR (Secretaria de Estado da Segurança Pública do Paraná) e Ministério da Justiça e Segurança Pública.

Outro exemplo foram os roubos de veículos: quatro em julho/2021 e somente dois em julho/2022. Roubos em comércios também passaram de quatro em julho/2021 para zero em julho/2022. O número de homicídios também regrediu no comparativo do mesmo período: de três para um.

Ainda, com auxílio do CIOSP, os mandados via Cortex (sistema de vigilância do Governo) passaram de quatro em julho/2021 para um no mesmo período, em 2022, demonstrando queda da criminalidade.

Diagnósticos entre 2021 e 2022 apontam que entre outubro do ano passado a abril deste ano não houveram ocorrências de roubo de veículos dentro da muralha. No ano de 2022 foram apontadas apenas quatro ocorrências de roubo a residências, onde nenhuma foi efetuada dentro da área da Muralha Virtual.

O apoio da Superintendência da Polícia Civil de Campo Largo está consolidado e os números estão em decréscimo na área contemplada pelo CIOSP.

SERVIÇO E TECNOLOGIA DE SEGURANÇA – O prédio do CIOSP tem uma área avançada em segurança inovadora que conta com rigoroso controle de acesso, através de portas com sistema de biometria. A sala da CCO (Central de Comando e Operações) tem portas, paredes e janelas totalmente blindadas com chapas de aço à prova de balas.

O CIOSP monitora todos os veículos que entram, permanecem e saem do município. O sistema, de forma autônoma, monitora, também, padrões e/ou compartimentos suspeitos de circulação desses veículos e de pessoas, bem como emite alertas – em tempo real – de veículos com apontamentos no sistema: seja por ilícitos, suspeitas ou qualquer outra ação que determinado veículo tenha seu registro no sistema monitorado.

Os veículos podem ser identificados não só pelas placas, mas também por cor, categoria ou outras características, o que permite identificar também veículos clonados ou com alguma característica adulterada.