Grande Curitiba

Servidores que trabalham ou frequentam o Delta já podem acessar Edifício por reconhecimento facial

16 de janeiro de 2023 às 17:10
(Foto: Hully Paiva/SMCS)

COM ASSESSORIAS – Os servidores que trabalham no Edifício Delta e os que frequentam o prédio onde estão instaladas algumas das secretarias municipais da Prefeitura de Curitiba já podem ingressar pelo térreo fazendo o reconhecimento facial, sem o uso do crachá. Duas catracas já contam com equipamento que permite a funcionalidade para liberação de entrada.

Para que o servidor possa utilizar o reconhecimento, é preciso cadastrar sua foto na recepção do Delta. Foi o que fizeram, na manhã desta segunda-feira (16/1), os servidores Simone Tissot, do Imap (Instituto Municipal de Administração Pública), e André Felipe Zílio da Silva, da Secretaria da Educação. Zílio costuma estar sempre com crachá, mas considerou positiva a nova opção para acesso.

A expectativa é que a mudança adotada pelo Condomínio do Edifício Delta dê agilidade ao acesso, que era feito exclusivamente por meio de crachá do Cartão Qualidade do servidor. O crachá continuará sendo utilizado e, como de costume, aqueles que não têm o Cartão poderão fazer o cadastro na hora para ingresso.

Por enquanto, o reconhecimento facial só está habilitado para os que chegam pelo térreo. O acesso pelas demais entradas (S2, S3 e S4) continua sendo feito por meio do Cartão Qualidade.

A supervisora do Condomínio, Andreia Schwartz, explica que a medida facilita o acesso pelo térreo. Ela cita situações como a de quando o servidor esquece o crachá em casa ou desce até o térreo sem crachá. “Tendo cadastrado o reconhecimento facial, o servidor poderá entrar e sair mesmo estando sem o documento”, explicou.

Ela ressalta que o acesso às unidades em cada um dos andares ainda precisará ser feito com crachá. E destaca que os estagiários ainda não estão sendo cadastrados para uso do reconhecimento facial.