Grande Curitiba

Operação Pronta Resposta III da PM retirou mais de 12 quilos de drogas de circulação em PG apenas nesta sexta (16)

17 de abril de 2021 às 10:14
(Fotos: Divulgação/Polícia Militar)

DA REDAÇÃO – Duas pessoas foram presas na noite desta sexta-feira em Ponta Grossa, envolvidas com o tráfico de drogas. Com elas foi encontrada uma considerável quantidade de drogas, entre crack, maconha, cocaína e ecstasy.

A prisão dos envolvidos e a apreensão das substâncias aconteceu em mais uma etapa da Operação Pronta Resposta III, desencadeada pelas equipes do BOPE/RONE da Polícia Militar para combater o crime organizado.

As prisões

A primeira prisão da noite aconteceu por volta das 19h na Rua Valério Ronchi, em Uvaranas, quando dois ocupantes de um veículo suspeito foram abordados pela PM com 105 gramas de crack e dinheiro.

Na casa do condutor do automóvel, de 25 anos, localizada também no bairro Uvaranas, foram encontradas e apreendidas mais 995 gramas de crack, meio quilo de cocaína, dinheiro, uma balança de precisão e um rádio comunicador.

Ele foi preso e encaminhado para a DP, junto com o veículo e todos os materiais apreendidos.

Duas horas mais tarde, por volta das 21h, a Polícia Militar efetuou a segunda prisão da noite, dessa vez de um rapaz de apenas 19 anos.

Após ser flagrado durante a abordagem com 20 gramas de maconha, o suspeito indicou o endereço de sua residência, no bairro Neves, para onde seguiu com os policiais.

Na casa foram localizados mais de 10,6 quilos de maconha, 325 gramas de crack e 111 comprimidos de ecstasy. Duas balanças de precisão, duas facas com resquícios das drogas, uma máquina de cartão e um rolo de papel filme também foram apreendidos no local.

Assim como na ocorrência anterior, o jovem foi detido e levado para a delegacia. Os dois envolvidos foram enquadrados pelo crime de tráfico de drogas.

Operação Pronta Resposta III

Desenvolvida pelo Subcomando Geral da Polícia Militar do Paraná e posta em prática por equipes do BOPE/RONE, a Operação Pronta Resposta III está sendo desencadeada em todo o Estado para fazer frente ao crime organizado.

O cronograma de aplicação da operação é feito com base no planejamento estratégico da PM, através das informações obtidas pelo setor de Inteligência da Corporação. O objetivo da ação é de dar rápidas respostas em casos de situação crítica, onde os policiais militares podem fazer bloqueios e barreiras, em todo o Paraná, para prender os criminosos.

As ações da Operação Pronta Resposta III envolver o combate ao tráfico de drogas, contrabando, furtos e roubos, entre outros delitos, com apoio das equipes que já atuam em todas as regiões do Paraná.