Grande Curitiba

‘Papai matou a mamãe’, diz criança ao tio após mulher ser esfaqueada pelo marido

Poucas horas antes do crime a família celebrou o aniversário de um dos filhos do casal
5 de janeiro de 2022 às 13:04
(Foto: Arquivo Pessoal)

A equipe da RICtv esteve na manhã desta quarta-feira (5) na casa onde uma mulher foi assassinada com duas facadas durante a madrugada, em Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba. No local, os familiares da vítima e do marido, apontado como autor do crime, estavam bastante abalados.

A casa, onde Ana Paula de Araújo Fernandes morava com o marido e o casal de filhos – de 3 e 4 anos -, fica nos fundos do terreno da mãe do suspeito, no bairro Parque do Embu. A mulher, de 29 anos, mantinha um relacionamento de quatro anos, porém, as brigas e discussões eram constantes. Recentemente, Ana teria voltado para a casa da mãe, entretanto, decidiu dar mais uma chance e retornou para a residência com os filhos e o marido.

Aniversário e assassinato

Segundo familiares, nesta terça-feira (4) foi aniversário de um dos filhos de Ana Paula. Durante a noite, o pai da criança chegou em casa alterado, devido possivelmente ao uso de drogas, e alguns parentes teriam cobrado ele pela atitude. O homem é usuário e já chegou a roubar dinheiro da própria esposa, por conta do vício.

Mais tarde, já na madrugada desta quarta-feira (5), a mãe e o irmão do suspeito, que moram na residência da frente, ouviram choros e gritos das crianças. Preocupados, foram até a casa da família, mas encontraram a porta trancada. O tio das crianças então pulou a janela e encontrou a nora caída, com ferimentos.

A mulher já estava morta. Segundo o tio, uma das crianças falou “papai matou a mamãe”, já a outra disse que “a mamãe está dormindo”.

Os familiares então acionaram a polícia e o óbito foi constatado.

Suspeito foge

Após o crime, o marido de Ana Paula passou em um ponto de comércio de drogas e informou que iria para Maringá, na região noroeste do estado, para encontrar familiares. Não há mais informações sobre ele.

Fonte: Ricmais

Leia mais clicando AQUI