Grande Curitiba

Paranaense dada como desaparecida após “perder celular” triplica o número de seguidores

A atitude de Isabelle não agradou a população, apesar disso o número de seguidores cresce cada vez mais
5 de janeiro de 2023 às 16:57
(Foto: reprodução/Instagram)

A jovem paranaense Isabelle Juck, de 19 anos, que foi dada como desaparecida após viajar para Santa Catarina e aparecer dias depois informando que só havia perdido o celular repercutiu nas redes sociais, com isso, o número de seguidores triplicou.

A jovem tinha 10 mil seguidores, mas após toda a polêmica envolvendo seu nome está com mais de 30 mil seguidores. A atitude de Isabelle não agradou a população, nos comentários é possível ver as pessoas a chamando de irresponsável.

“Estou voltando pra BêCê”! Tenha vergonha na cara e volte pra casa pedir desculpas para sua mãe. O que você fez com sua mãe, não se faz”, escreveu um internauta.

O número de seguidores da jovem começou a subir na terça-feira (3), quando o irmão anunciou que a família havia encontrado Isabelle. Os dados foram analisado por meio da ferramenta online Social Blade.

A família de uma jovem de 19 anos acionou a polícia após não conseguir contato com Isabelle, que tinha ido viajar para passar o réveillon em Balneário Camboriú (SC), na última sexta-feira (30). A moradora de São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC), pegou um carro de aplicativo de viagem sozinha para chegar ao destino.

“Minha filha se hospedou em Camboriú, foi num show e acho que estava com muita vontade de fazer coisas diferentes. Ela foi nesse show e desapareceu desde o dia 30. Recebi as mensagens dela antes de ontem. Estou nervosa, apavorada, peço a deus e todos os meus amigos, familiares, o policiamento, as autoridades e políticos, que nos ajudem a achar minha filha Isabelle”, declarou Carmen Juck, mãe da jovem.

A jovem paranaense Isabelle Juck de 19 anos foi encontrada na terça-feira (3). A jovem usou as redes sociais para explicar a situação: “Na realidade, eu perdi o meu celular na praia, já consegui localizá-lo e está em Balneário Camboriú. Agora estou em Floripa e amanhã de manhã vou para BC. Não estou desaparecida, estou bem!”.

Fonte: RIC Mais

Leia mais clicando AQUI